MD4S | Agência de intercâmbio
Like travel?

Arrumar um emprego

Um dos principais motivos que acabamos escolhendo a Irlanda é que aqui é permitido que o estudante trabalhe legalmente para aperfeiçoar o idioma e se manter durante seus estudos.

Vou contar a minha experiência e visão com base em tudo que passei, pois essa é a dúvida de muito intercambista, inclusive foi a minha. Eu pesquisei muitos, mas muitos blogs e acredite que a minha experiência tchannn não foi diferente rs, mas cada caso é um caso.

Por mais boas que sejam todas as dicas, não existe uma fórmula mágica ou receita de bolo, mas todas ajudam..use e monte a sua!

 

Arrumar um emprego na irlanda

Eu achei que o meu “The book is on the table” era suficiente para passar nas entrevistas de emprego, mesmo de sub emprego, mas opa porque seria¿ Eu não estava vindo para um país que falava português. Eu não assisti nenhum vídeo de vocabulário em restaurante ou vocabulário de hotelaria, camareira ou vocabulário de limpeza. As únicas palavras que eu sabia eram mop e bleach (esfregão e cândida) e na primeira entrevista por telefone (gente que terrível) eu não entendi nada só o bye. E como eu queria ser baba se eu não sabia nem falar amarelinha em Inglês e sabia que chicken pox era catapora¿ Nunca iria adivinhar que o frango tinha a ver com a história da catapora até a mãe perguntar se eu tive “chicken pox” e eu respondi que sim (EU NÃO TIVE CATAPORA) gente o que eu entendi¿ kkk Ai percebendo a dificuldade comecei assistir tutorial e vídeos no youtube e não é que meu vocabulário cresceuJ E estudei muito todos os dias em casa após a aula.

Comece ai no Brasil que isso irá te ajudar muito, veja vários sem parar a repetição te faz memorizar. Tem de restaurante, café, nanny, hotel, limpeza...tem vários desde o nível básico de Inglês.

Use a determinação, coragem e empolgação que te levou a fechar o seu intercâmbio para procurar emprego e se manter firme aqui. Se esforce na adaptação da sua nova realidade tanto de emprego quanto de cultura.

Oportunidades têm, o que precisamos é estar preparados, como aí no Brasil. Os fatores que irão influenciar e fazer a diferença são: a sua forma de abordagem, o inglês, a insistência, a paciência, boca a boca e algumas vezes sorte.

Deixem as pessoas saberem que vc está precisando de emprego....não tenha vergonha ou medo de falar, todos passamos pelos mesmos passos. Se algum amigo do seu amigo trabalha em uma lojinha de conveniência não custa nada perguntar “Cara, vc sabe se estão precisando de alguém no seu trabalho¿ to procurando” vai que a resposta é “putz leva seu CV la na loja minha chefe precisa de alguém no café” J....ou “você manja de fazer sanduíche¿”.

Fale na escola, muitos de seus amigos da sala estão aqui há mais tempo que vc. Preste atenção nas portas e janelas das lojas, cafés, bares, restaurantes etc aqui eles costumam colocar um aviso (Staff wanted apply here). Ai vai outra dica sempre tenha seu CV com vc para esse tipo de oportunidade.  Eu cheguei a entrar em uma pizzaria que precisava de cheff e perguntei se poderia aplicar e ele perguntou se eu tinha experiência eu disse em que minha vó me ensinou a melhor massa de pizza do Brasil e se eu poderia mostrar rs ele sorriu e educadamente disse que precisava de alguém que ele não tivesse que treinar porque a pizzaria era pequena e elogiou a atitude. No final falou: procura na rede Dominós eles contratam sem experiência !

Trabalho voluntário !!! Se tivessem me dado essa dica logo quando eu cheguei muita coisa seria diferente. Tem vários brechós aqui na Irlanda e os brechós precisam de trabalhadores voluntários, normalmente são Irlandeses (senhorinhas) os trabalhadores e os clientes também e vc tem a oportunidade de pegar sua primeira carta de referência de emprego na Irlanda.  E de quebra, olha que legal praticar Inglês, pois você quer aprender melhor um idioma do que na prática¿ tá ai a oportunidade de embutir a gramática nova que aprendeu na escola em uma conversa. Fale não tenha vergonha, eu teria encurtado uma boa parte dessa saga se eu soubesse disso.  

Uma dica que me deram ou eu li em algum blog, entregue seus CV’s de sábado, sim no sábado as chances dos gerentes estarem nas lojas são muito grandes. Perguntem pelo gerente e ali é a hora de deixar sua primeira impressão. Tem que conversar, se apresentar, ser educado e mostrar que você quer esse emprego. Ele pode te fazer algumas perguntas ali mesmo sem precisar, mas irá lembrar de vc se sua impressão for boa. Não tenha medo de falar me dê uma oportunidade de mostrar meu trabalho, eu quero muito trabalhar aqui etc é sua chance ali com ele .  Tem uma palavra que eu usei muito (Hard Work) um amigo me ensinou quando eu cheguei disse que essa é a palavra mágica rs e é.

Trabalhar ou não na sua área dependerá muito do que você faz e se a Irlanda precisa dessa mão de obra. Para qualquer vaga não existe segredo é se manter atualizado sobre as vagas publicadas online, além de tudo isso acima eu mandava uns 20 emails todos os dias para sites de trabalho, ou seja, é o mesmo de quando estamos buscando uma vaga no Brasil.

Dica eu do filme Madagascar eu me remexo muito...bora se mexer não basta só mandar CV online, ou só procurar de porta em porta. Mande mensagem no facebook, olhe os grupos, se apresente para pessoas, ligue, tente achar o gerente, vá ao local com seu CV…etc etc vai dar certo se você correr atrás. Tem gente que nem faz tudo isso e "kabum" tem muita sorte, mas a maioria não.

Assim como você, existem muitos intercambistas (não só brasileiros) na Irlanda e digo mais não só intercambistas Europeus também concorrem a mesma vaga que você, pois a Irlanda paga uns nos maiores salários mínimo por hora da Europa.

Mostrar que você é educado, está disponível, que quer aprender e que é Hard Work faz diferença.

Espero que ajude vocês. Por Juliana castro

Você gostaria de Intercambio na Irlanda Veja o que a MD4S lhe oferece..

Visitas: 386

Eu gosto: +

Nao gosto: -0